01/07/2020, Dionísio Cerqueira – No mês de agosto de 2020, o Instituto Santé completou 3 anos de gestão no Hospital Municipal de Dionísio Cerqueira. Um marco que representa mais serviços e qualidade, segundo a diretora do Hospital, Juliana Debona. Ela lembra que, como de costume, a cada novo ano de gestão, são apresentados dados que confirmam sua avaliação positiva. “Além do Balanço Social, produzido todos os anos, também nos sentimos com o dever de apresentar à comunidade os números de cada ano”.

O dado com maior destaque continua sendo o de nascimentos no Hospital de Dionísio Cerqueira. Em 2017, a partir de setembro, foram 75 crianças que vieram ao mundo no Hospital local. Em 2018, o número saltou para 373. Em 2019 foram 362 nascimentos e em 2020, até agosto, foram 180.
Somando os dados dos 3 anos são 503 bebês do sexo feminino e 487 do sexo masculino dos municípios de Barracão, Bom Jesus do Sul e Dionísio Cerqueira, totalizando 990 crianças. “Em breve, chegaremos a marca do milésimo nascimento aqui no Hospital após o Instituto Santé assumir a gestão”, lembra a diretora.

No Pronto Atendimento, os números ultrapassam todos os anos o total de habitantes da região tri-fronteira. Em 2017, de setembro a dezembro, foram 10.201 atendimentos. Em 2018, nos 12 meses, o Hospital atendeu à 27.795 urgências e emergências, seguido de 28.348 em 2019. Neste ano, até agosto, foram 12.385. “É importante lembrar que o Pronto Socorro de um Hospital não substitui o atendimento básico no município que é primordial para a saúde da população”, explica Juliana.

Nos 3 anos de Santé, o destaque também está nas 2.290 cirurgias realizadas nos 36 meses, além das 12.228 consultas com médicos especialistas e os 57.883 exames de imagem e clínicos. Com uma média de 180 internações mensais, a enfermaria do Hospital de Dionísio Cerqueira, atendeu à 6.610 pessoas nos 36 meses.

A diretora finaliza, destacando as especialidades médicas cirúrgicas: ortopedia, vascular e otorrinolaringologia. “São 3 novas especialidades, nas quais buscamos profissionais que atendessem com qualidade e ajudassem a diminuir a fila nos municípios. Os convênios foram de extrema importância para o atendimento à população”, disse a diretora Juliana. Por fim, ela agradece a confiança de todos e afirma que o Santé está sempre em busca de melhorias, não apenas nos números, mas também na qualidade, na estrutura e na humanização.